BLOG


"DESIGN É … INFORMAÇÃO ANTES, DURANTE E APÓS TODO O PROCESSO CRIATIVO"

quanto custa um site

Quanto custa fazer um Website em Portugal?

Os Websites são essenciais no mundo digital actual, oferecendo às empresas e aos indivíduos uma presença virtual. No entanto, muitas pessoas ainda têm dúvidas sobre os custos envolvidos na criação e manutenção de um website. Neste artigo, vamos investigar mais aprofundadamente este tópico “quanto custa fazer um web site” e responder a algumas perguntas mais frequentes.

Está a considerar a criação de um website profissional para o seu negócio, projecto pessoal ou qualquer outro motivo, uma das primeiras perguntas a fazer a si próprio é “quanto é que isso me vai custar? Infelizmente, a resposta pode variar muito, dependendo de vários factores. Neste artigo vamos tentar simplificar este processo e ajudá-lo a compreender melhor todos os custos associados envolvidos no desenvolvimento de um website em Portugal.

 

1. Por que é importante ter um site?

Um site é uma ferramenta de marketing digital, tanto para empresas como para indivíduos. Não só divulga produtos e serviços, como também aumenta a visibilidade online, fornecendo informação essencial tanto aos clientes como aos visitantes. Serve como um canal indispensável para obter novos contactos e oportunidades de negócio. Um website, é a primeira imagem que os seus potenciais clientes irão fazer de si, e como tal a primeira imagem é um dos factores determinates para a concretização de uma venda ou outro objectivo.

2. Diferentes tipos de websites

Antes de discutir os custos, é essencial compreender que existem vários tipos de websites. Cada um tem as suas próprias características e requisitos que podem ter impacto sobre o ponto de preço. Exemplos incluem:

  • Institucional
  • Blog
  • Portal de Notícias
  • Página de uma Rede Social
  • Página simples de negócio “Google My Business”

3. Qual é o custo médio de um website em portugal?

Os custos de fazer um website em portugal variam mediante factores tais como: a qualidade, a criatividade do designer, a quantidade de horas aplicadas em mão de obra, a quantidade de páginas a desenvolver, o tipo de funcionalidade suplementares a implementar, a qualidade do código produzido ou utilizado, o cuidado de se implementar SEO técnico e onpage na sua fase de construção, em resumo: o tempo despendido, a sua qualidade e complexiade.

  • Entre 350€ a 600€ – para os websites mais básicos e simples,  com poucas horas aplicadas no projecto, sem grandes requisitos e funcionalidades, e normalmente desenvolvidos em html e css. No entanto, aproximadamente por 600€  já consegue um website profissional desenvolvido em WordPress, com qualidade aceitável, design, ao estilo “OnePage”- página única dividida em várias secções de conteúdos e auxiliada por um menu up/down.

  • Entre os 600€ a 1.500€  – ficam os sites desenvolvidos com mais qualidade, com design mais cuidado, artístico e pormenorizado, com muitas horas aplicadas no projecto. Estes já incluem funcionalidades em maior quantidade e mais avançadas. Normalmente desenvolvidos sobre plataformas CMS (sistema de gestão de conteúdos) open-source,  ex: sites desenvolvidos em WordPress, que é a plataforma CMS mais avançada e a mais utilizada em todo o mundo.

  • Entre os 1.500€ a 3.000€ – serão para os websites extremamente avançados. Design muito pormenorizado e com criatividade excelentes. Por norma já têm imensas funcionalidades adicionais, uma maior quantidade de páginas produzidas e de grau superior de complexidade. Incluem muito trabalho ao nível de configurações e adaptação de plugins por medida ou até mesmo programação exclusiva. Estes websites têm uma enorme quantidade de horas aplicadas no seu desenvolvimento.


    Em resumo:  O preço / custo final de um website depende de diversos factores listados no parágrafo a seguir (4)

Utilize esta ferramenta da Google PageSpeed Insights para medir e comparar a qualidade entre os seus potencias fornecedores. Analise o website oficial do fornecedor com a ferramenta acima mencionada, compare os diversos sites oficiais dos fornecedores, tire as suas conclusões e tome a sua decisão.

 

QUALIDADE ?

Pedir Orçamento !

4. Que factores influenciam o custo de um web site?

Muitos factores podem influenciar o custo de um web site, tais como o seu tipo, a plataforma em que é desenvolvido (por exemplo, WordPress CMS), a quantidade de páginas, a qualidade do design, a complexidade, qualidade do código, número de horas de mão-de-obra, características diferenciadoras implementadas, hospedagem e domínio. Os mais determinantes são:

  • a qualidade e o o know-how do webdesigner contratado
  • a qualidade e originalidade do design / layout
  • a plataforma base escolhida para o desenvolvimento do site (a melhor: WordPress e WooCommerce)
  • a quantidade de horas aplicadas no projecto
  • a quantidade e a complexidade das páginas a criar
  • a quantidade de imagens a criar ou editar.
  • a quantidade e qualidade do código a aplicar
  • a quantidade de funcionalidades adicionais
  • a quantidade de sub-sistemas a incluir
  • as traduções para outras línguas
  • a quantidade de dados, serviços ou produtos a inserir nos sub-sistemas
  • a segurança aplicada
  • as técnicas “SEO – Search Engine Optimization” aplicadas
  • a ligação e configuração a plataformas de terceiros
  • a aplicação e programação de APIs
  • a programação por medida em linguagens php, java-script, sql e outras
  • a qualidade da formatação geral em CSS
  • a compra do domínio e do servidor
  • outros extras possíveis de serem incluídos
  • eventuais planos de manutenção do site
  • o tipo de suporte, a qualidade e disponibilidade da assistência pós-venda

 

5. Tabela de preços para criação de sites:

350€ a 600€ Website simples HTML + CSS / ou /WordPress
600€ a 1500€ Website médio WordPress
1500€ a 3000€ Website complexo WordPress


A tabela de preços para a criação de sites é algo importante de consulta para se obter um orçamento para o seu projecto de desenvolvimento Web, por ser vital utilizar uma tabela de preços concisa que reparta todos os custos essenciais.

O nosso conjunto de ferramentas permite-nos avaliar tudo o que é necessário para conceber um sítio Web profissional adaptado às suas necessidades específicas, desde a optimização para os motores de busca (SEO) e o design reactivo para dispositivos móveis até aos protocolos de segurança do servidor, como o SSL, e as taxas de alojamento. Também temos em conta factores técnicos críticos, como a classificação do público (sites comerciais ou informativos) ou a categorização de comércio electrónico, ou blogues.

A estrutura de preços na tabela de preços para a criação de sites, também tem em conta vários aspectos fundamentais que afectam os custos: O número de páginas em modelos de design e complexidades de alto nível; o sistema de pagamento de integração que proporciona transacções financeiras sem falhas em portais online entre compradores e vendedores também desempenha um papel crucial na determinação das estimativas de custos.

Levamos estas análises a sério, bem como os prazos necessários, antes de determinarmos o preço final do web design, seguindo as especificações detalhadas do cliente, bem como as competências da nossa equipa, enquanto damos passos em direcção à perfeição, porque VOCÊ merece nada menos do que a excelência!

 

INDECISO ?

Veja o nosso Portefólio !

6. Quais são as despesas adicionais associadas a um website?

Para além do custo de desenvolvimento inicial, existem custos adicionais, tais como propriedade do domínio, serviços de alojamento, eventuais taxas de actualização, manutenção, medidas de segurança adicionais, compra e renovação de licenças de plugins premium e campanhas de marketing digital que devem ser considerados.

 

7. Como Seleccionar um bom profissional Criador de websites?

Encontrar o programador de websites ideal pode ser assustador com tantas opções disponíveis no mercado. Aqui estão algumas dicas para o ajudar a seleccionar o ideal para o seu projecto:

Experiência: Ao seleccionar um programador, é essencial seleccionar alguém com experiência em projectos semelhantes ao seu. Peça ao programador a sua carteira e verifique se trabalhou com empresas ou organizações semelhantes à sua.

Competências técnicas: Avalie a proficiência técnica do promotor. Ele deve ter conhecimentos nas linguagens e plataformas de programação necessárias para o seu projecto.

Reputação: Avalie a reputação do programador através da leitura de críticas e classificações de clientes anteriores. Isto pode proporcionar-lhe uma visão da qualidade do seu trabalho.

Prazo e orçamento: Certifique-se de que o programador pode terminar o projecto dentro do prazo e do orçamento. Solicitar um orçamento abrangente para que todos os custos sejam incluídos.

Comunicação: É essencial seleccionar um promotor que possa comunicar eficazmente consigo durante o projecto. Assegure-se de que fornecem actualizações regulares sobre o progresso e resolvam prontamente quaisquer dúvidas ou preocupações que possa ter.

Apoio pós-lançamento: Confirmar que o programador fornece apoio pós-lançamento no caso de surgirem problemas técnicos ou de serem necessárias actualizações adicionais.

Flexibilidade: É essencial seleccionar um programador que seja adaptável e disposto a colaborar consigo nas suas necessidades individuais.

Ao seleccionar um programador de website, é essencial encontrar alguém que possa compreender os seus requisitos e colaborar consigo na criação de um site excelente e funcional. Não se esqueça de fazer a sua devida diligência e seleccionar alguém com a experiência e as competências relevantes para o seu projecto específico.

Tal como referido anteriormente, utilize a ferramenta da Google PageSpeed Insights para medir e comparar a qualidade entre os seus potencias fornecedores.

8. Que funcionalidades adicionais poderão ser incluídas num website?

Para além das funções básicas que cada website deve possuir, existem vários extras opcionais que podem ser implementados para tornar a experiência mais apelativa e útil para os visitantes.

Algumas destas capacidades incluem:

Formulários de contacto: Os formulários de contacto podem ser acrescentados a um site para que os visitantes possam contactar a empresa ou organização através dele.

Chat online: Uma funcionalidade de chat online permite aos visitantes do website interagir com um representante da empresa ou organização em tempo real.

Comércio electrónico: Quando uma empresa ou organização tem uma loja online, uma funcionalidade de comércio electrónico pode ser adicionada ao seu website para que os visitantes possam comprar produtos ou serviços directamente a partir daí.

Integração nos meios de comunicação social: Inclua botões de partilha de meios de comunicação social e feeds Twitter ou Instagram no seu website para manter os visitantes envolvidos e actualizados com as actividades dos meios de comunicação social da sua empresa ou organização.

Área de Membros: Se a sua empresa ou organização tem uma área para membros, pode incluir a funcionalidade de login e uma área para membros no website.

Calendário de eventos: Um calendário de eventos também pode ser acrescentado para informar os visitantes das próximas actividades na sua empresa ou organização.

Pesquisa interna: Uma função de pesquisa interna pode ser fornecida num website para permitir aos visitantes localizar informações específicas dentro do mesmo.

Mapas e Direcções: Se a sua empresa ou organização tiver lojas ou escritórios físicos, incluindo mapas e direcções para a sua localização na página web é benéfico.

Classificações e Revisões: Pode adicionar um recurso de classificações e revisões ao seu site para que os visitantes possam classificar produtos, serviços ou conteúdo do web site.

Personalização: Permitir que os visitantes personalizem a sua experiência de acordo com as suas preferências no seu site permite uma maior satisfação com a experiência.

O custo de funcionalidades adicionais varia com base na sua complexidade e no tempo que leva a ser implementado. É essencial considerar cuidadosamente que características são essenciais e quais podem ser incluídas mais tarde, dependendo do orçamento disponível. Em última análise, esforçarmo-nos por funcionalidades que acrescentem valor ao website e melhorem a experiência do utilizador.

9. Custos de alojamento e domínio e sua gestão por um técnico

Para ter um website, é necessário um nome de domínio (exemplo: www.seusite.com), bem como espaço de alojamento web onde o conteúdo residirá. Os custos de ambos os serviços variam consoante o fornecedor seleccionado e o pacote de serviços que optar.

O custo do nome de domínio é uma taxa anual paga ao registador do domínio para manter o registo do nome de domínio escolhido. Os preços podem variar com base na extensão do domínio (.com,.org,.net,.pt) e na disponibilidade.

Os custos de alojamento variam com base no fornecedor, pacote de serviços escolhido e capacidade de armazenamento necessária para um website. Alguns fornecedores de alojamento também fornecem características adicionais como segurança, backup de dados e suporte técnico a um custo adicional.

A gestão do domínio e do alojamento é essencial para garantir que o seu website permaneça online e funcione de forma óptima. Isto pode incluir a renovação anual do nome de domínio, bem como manutenção regular do espaço de alojamento, tais como actualizações de software e cópias de segurança de dados.

Para manter os custos de alojamento e de domínio sob controlo, é essencial escolher o fornecedor e o pacote de serviços certos para o seu website. Embora pacotes mais básicos ou partilhados possam custar menos do que um servidor dedicado, certifique-se de que o pacote satisfaz todas as necessidades do seu site e permite uma escalabilidade futura.

Além disso, é essencial seleccionar um fornecedor fiável de alojamento e de domínio, uma vez que a selecção errada poderia causar problemas de inactividade do website ou desempenho degradado.

Em conclusão, os custos de alojamento e de domínio são investimentos necessários para ter um site. É essencial seleccionar um fornecedor estabelecido com pacotes de serviços de qualidade adaptados às necessidades do seu website. Além disso, a gestão adequada do domínio e do alojamento é fundamental para garantir a funcionalidade e o tempo de funcionamento do seu website.

10. Criação de sites profissionais: Seu Desenvolvimento e sua concepção

O desenvolvimento e concepção são partes integrantes da criação de sites profissionais num website, e têm um efeito imenso no orçamento do projecto. Há várias etapas envolvidas no desenvolvimento e concepção de um site, cada uma com o seu impacto potencial nos custos.

O design do seu website é um factor crítico que tem impacto na experiência do utilizador e na percepção da sua marca. Um website bem concebido deve ser apelativo, de fácil utilização e funcional para os visitantes. Além disso, deve reflectir a identidade visual da sua marca, ao mesmo tempo que comunica valores e objectivos de forma eficaz.

O custo de um projecto de design depende da sua complexidade e da experiência do designer. Um desenho de base pode ser criado a um preço acessível por um indivíduo inexperiente, enquanto desenhos personalizados mais intrincados requerem a contratação de um designer experiente a custos mais elevados.

Alguns dos principais factores que influenciam o custo da criação de sites profissionais em Portugal, o seu design e desenvolvimento dependem de:

Complexidade do projecto: Um website com muitas páginas, características e elementos de design personalizados será mais caro do que um website mais simples com menos elementos.

Personalização: Se necessitar de um design totalmente personalizado que mostre a identidade visual da sua marca e distinga o seu site da concorrência, isto pode revelar-se mais dispendioso do que a utilização de um modelo já criado.

Experiência do Designer: Designers experientes e de renome cobram tipicamente mais do que os novatos. Antes de contratar um designer para criar o design do seu website, avalie o seu portfólio e experiência. Assegure-se de que possuem um conhecimento profundo das suas necessidades e objectivos, bem como alinhado com a visão do seu projecto. Uma comunicação e colaboração eficazes entre ambas as partes é fundamental para garantir um resultado óptimo dentro das restrições orçamentais.

Tipo de Website: O tipo de website que está a ser desenvolvido pode influenciar o seu custo. Um site simples com apenas algumas páginas estáticas será mais acessível do que um com funções complexas e interactivas.

Design: O design é um passo essencial no desenvolvimento de um website, e pode ter um impacto substancial no custo do projecto. Os designs personalizados podem ser escolhidos ou seleccionados a partir de modelos pré-existentes, dependendo das necessidades do cliente; embora a personalização possa ser mais dispendiosa do que a utilização de um modelo existente, proporcionam uma aparência e funcionalidade únicas ao produto final.

Desenvolvimento Front-end: O desenvolvimento Front-end envolve a criação da interface do utilizador de um website, o que pode aumentar significativamente os custos do projecto. A criação front-end pode incluir menus, botões e outros elementos interactivos que podem aumentar a complexidade global do projecto e aumentar os custos.

Desenvolvimento de Back-end: O desenvolvimento back-end envolve a criação do sistema de gestão de conteúdos (CMS) e outras funcionalidades do website. Pode incluir a criação de bases de dados, integrações de sistema, e outras funcionalidades avançadas que podem aumentar os custos do projecto.

Capacidade de resposta: O design reactivo / responsivo do website é essencial para garantir a sua apresentação correcta em todos os dispositivos, tais como computadores de secretária, computadores portáteis, tablets e smartphones. Embora o desenvolvimento reactivo possa acrescentar custos a um projecto, é necessário para proporcionar uma experiência óptima ao utilizador.

Tempo de desenvolvimento: A quantidade de tempo necessária para desenvolver e conceber um website pode ter impacto no custo. Projectos mais complexos ou personalizados podem demorar mais tempo a terminar, aumentando a duração global do projecto e, consequentemente, aumentando os custos finais.
O custo de desenvolvimento e concepção de um website pode variar consideravelmente com base na sua complexidade e personalização necessária. Para garantir a conclusão atempada e o controlo orçamental, é fundamental trabalhar com uma equipa de desenvolvimento experiente. Além disso, deve ser dada especial atenção às características e funcionalidades necessárias para satisfazer as necessidades da empresa ou organização.

11. Conteúdo

O conteúdo é um elemento essencial de qualquer website e desempenha um papel fulcral em qualquer presença online bem sucedida. Transmite a mensagem da sua marca, fornece informação útil aos utilizadores, e ajuda com SEO (Search Engine Optimization). O conteúdo pode tomar a forma de texto, imagens, vídeos, infografias ou outros formatos de meios de comunicação. 

O custo de produção do conteúdo varia com base na sua quantidade e complexidade. Material personalizado de alta qualidade pode exigir mais investimento do que a utilização de conteúdos ou modelos pré-fabricados, por exemplo. 

Ao avaliar o preço do conteúdo, alguns elementos-chave a considerar incluem:

Complexidade do projecto: Websites com muitas páginas e conteúdo personalizado serão mais dispendiosos do que websites mais simples com informação básica.

Originalidade e personalização: Se desejar um conteúdo único e personalizado, poderá custar mais do que utilizar modelos pré-fabricados ou conteúdo de terceiros.

Experiência do redactor: Os redactores experientes e de renome cobram frequentemente mais do que os redactores novatos.
Exemplos de custos de conteúdo incluem:

Copywriting: Os preços dos serviços de copywriting variam normalmente entre 20 euros por página a mais de 100 euros, dependendo da experiência do redactor e da complexidade do projecto.

Criação de imagem e infografia: Os preços podem variar entre 50 a 300 euros por imagem, dependendo da sua complexidade e do tempo necessário para a criação.

Produção de vídeo: Os preços variam entre 500 e 5000 euros por vídeo, dependendo da sua duração e alcance.

Antes de contratar um redactor ou produtor de conteúdos, é essencial avaliar a sua carteira e experiência. Confirme que compreendem as suas necessidades e objectivos e que estão em sintonia com a sua visão para o projecto. Além disso, estabeleça prazos realistas e realize um processo de revisão em profundidade, a fim de garantir a garantia de qualidade de todos os materiais acabados.

12. Manutenção e Actualização do Website

A manutenção e actualização de um website são factores essenciais a ter em conta no cálculo do custo total de propriedade. Lembre-se, a criação de um website é apenas o começo; a manutenção e reparação regulares ajudarão a garantir a sua manutenção funcional para o público a que se destina.

A manutenção e as actualizações do website podem incluir:

Actualizações de segurança: é essencial estar a par das últimas actualizações de segurança num website, de modo a o proteger contra vulnerabilidades e ciberataques.

Actualizações de conteúdo: O conteúdo regular do website deve ser revisto para manter os visitantes envolvidos e informados. Isto pode incluir a adição de novos produtos ou serviços, o fornecimento de novidades/actualizações de eventos, e muito mais.

Correcções de bugs: É essencial corrigir quaisquer erros ou bugs no website a fim de garantir o seu bom funcionamento e que os visitantes possam aceder ao conteúdo e funcionalidades sem quaisquer problemas.

Optimização do desempenho: O desempenho do website pode ser melhorado através de ajustes no código ou na configuração do servidor, a fim de garantir o seu rápido carregamento e proporcionar uma boa experiência ao utilizador.

Backup de dados: Devem ser feitas cópias de segurança regulares dos dados do website, a fim de garantir a sua restauração em caso de perda de dados ou mau funcionamento do sistema.

O custo de manutenção e actualização de um website pode variar dependendo da complexidade do projecto, do número de actualizações necessárias, e da frequência com que estas são feitas. Alguns fornecedores de serviços fornecem planos de manutenção enquanto outros cobram por hora ou por actualização.

A manutenção e actualização de um website requer investimento contínuo para garantir que este se mantenha seguro, actualizado, e relevante para o seu público alvo. Ao planear o custo total de propriedade para um tal empreendimento, certifique-se de ter em conta quanto custará a sua manutenção e actualização ao longo do tempo.

13. SEO

Search Engine Optimization, ou SEO como é vulgarmente conhecido, é uma série de técnicas concebidas para aumentar a visibilidade do seu website nos resultados de pesquisa no Google e noutros motores de pesquisa. O objectivo é que o seu site apareça nas primeiras posições ou próximo das primeiras posições para palavras-chave relevantes para o seu negócio, com a ajuda de um consultor SEO.

Existem várias técnicas de SEO, tais como optimização de palavras-chave, construção de links e criação de conteúdos valiosos. O custo de SEO varia com base na complexidade do projecto e no nível de concorrência no mercado.

Ao avaliar o preço de SEO, alguns elementos-chave a considerar incluem:

Concorrência: Se o seu mercado é altamente competitivo, SEO pode ser mais caro, uma vez que requer um trabalho mais intensivo para superar a concorrência.

Alcance geográfico: Se o seu website serve uma região local ou nacional, o custo de SEO pode ser inferior ao de um que procura uma audiência internacional.

Estratégia de SEO: Uma estratégia de SEO mais abrangente e detalhada pode ser mais cara do que uma abordagem mais simples.


Exemplos de custos de “SEO” incluem:

Auditoria de “SEO”: Os preços podem variar entre 500 e 3000 euros, dependendo da complexidade do projecto e do tamanho do website.

Optimização de palavras-chave: Os preços por palavra-chave podem variar entre 100 e 1000 euros, dependendo da concorrência e do volume de pesquisa.

Construção de links: Os preços dos links podem variar entre 200 e 1000 euros, dependendo da qualidade e autoridade do site que os fornece.

Antes de contratar um profissional de SEO, é essencial avaliar a sua experiência e histórico de sucesso com projectos anteriores. Além disso, certifique-se de que o perito tem um bom domínio do seu mercado, necessidades e objectivos. Além disso, estabeleça prazos realistas para o projecto, bem como meça os resultados para garantir um retorno adequado do investimento.

Ter um consultor SEO que o possa acompanhar neste processo seria uma grande mais-valia. Ter um website que não apareça bem posicionado nos resultados das pesquisas, é bastante redutor para um negócio e objectivo de ter um website. Saiba mais sobre o nosso processo de consultoria SEO  >> AQUI

14. Segurança

A segurança é uma preocupação chave para os website, especialmente para aqueles que recolhem informações pessoais dos utilizadores. Um website vulnerável pode ser um alvo fácil para hackers e malware, pondo em risco a privacidade e a segurança dos utilizadores e dos dados recolhidos. O WordPress, uma das plataformas mais populares para a construção de websites, é especialmente apetecivel a ataques e intrusões, exigindo medidas de segurança adequadas para garantir a protecção do website.

Algumas das principais medidas de segurança que podem ser implementadas para garantir a segurança do WordPress incluem:

Actualização do WordPress: O WordPress deve ser mantido actualizado para garantir que as vulnerabilidades conhecidas sejam corrigidas. As actualizações devem ser efectuadas regularmente para garantir a segurança do website.

Utilização de plugins de segurança: existem vários plugins de segurança para WordPress, tais como Wordfence, que ajudam a proteger o website de ataques, intrusões, e malware.

Utilização de certificados SSL: um certificado SSL é essencial para encriptar dados enviados e recebidos pelo website, protegendo informação sensível, como senhas e dados de pagamento.

Utilização de palavras-passe seguras: É importante criar palavras-passe fortes e únicas para assegurar a protecção das contas e do website. As senhas fracas podem ser facilmente decifradas por hackers.

Backup regular de dados: É importante efectuar regularmente cópias de segurança dos dados do website para garantir que estes possam ser restaurados em caso de ataques ou falhas.

O custo da segurança do website, especialmente para o WordPress, pode variar dependendo da complexidade do projecto e das medidas de segurança necessárias. Algumas empresas oferecem serviços de segurança geridos para WordPress, com preços que variam entre alguns euros por mês e algumas centenas de euros, dependendo do nível de segurança necessário.

É importante investir em medidas de segurança para garantir a protecção do seu website e dos dados dos utilizadores. Uma violação da segurança pode ser extremamente prejudicial para a reputação e credibilidade do website e para a confiança dos utilizadores. Por conseguinte, é importante assegurar que as medidas de segurança sejam devidamente implementadas e regularmente actualizadas.

15. Integrações

As integrações são outro aspecto importante a considerar ao avaliar o custo de um website. As integrações permitem que o website se ligue a outros sistemas e serviços, tais como métodos de pagamento, redes sociais, ferramentas de marketing, e outros. As integrações podem ajudar a melhorar a experiência do utilizador, aumentar a eficiência, e reduzir o trabalho manual.

As integrações podem ajudar a melhorar a eficiência, a experiência do utilizador, e o ROI do website. Por conseguinte, é importante avaliar cuidadosamente as integrações necessárias para o seu projecto e considerar os custos envolvidos.

Antes de decidir que integrações são necessárias para o seu website, é importante avaliar as suas necessidades e objectivos. Uma integração pode melhorar a experiência do utilizador e aumentar as conversões, mas também pode acrescentar custo e complexidade ao projecto. Por conseguinte, é importante fazer uma análise cuidadosa e equilibrar os benefícios e custos antes de tomar uma decisão.

Algumas das principais integrações que podem ser incluídas num website incluem:

Integração com métodos de pagamento: se o website incluir uma loja online ou oferecer serviços pagos, é importante integrar com métodos de pagamento como PayPal, Stripe, entre outros.

Integração com redes sociais: a integração do website com redes sociais como Facebook, Twitter, Instagram, entre outras, pode ajudar a aumentar a visibilidade e o alcance do website, permitindo aos utilizadores partilhar conteúdos e promover o website.

Integração com ferramentas de marketing: a integração do website com ferramentas de marketing, tais como Google Analytics, Google Ads, entre outros, pode ajudar a melhorar a eficiência e precisão das campanhas de marketing e aumentar o retorno do investimento.

Integração com sistemas de gestão de conteúdos: A integração do website com um sistema de gestão de conteúdos, como o WordPress, pode ajudar a facilitar a criação, edição e publicação de conteúdos no website.

Integração com sistemas de gestão de relações com clientes (CRM): A integração do website com um sistema CRM pode ajudar a gerir e acompanhar as interacções dos utilizadores com o website, melhorando o serviço ao cliente e a fidelidade do cliente.

O custo das integrações pode variar em função da complexidade do projecto e das ferramentas de integração necessárias. Algumas ferramentas de integração podem ser gratuitas, enquanto outras podem exigir a compra de licenças ou assinaturas mensais.

16. Apoio técnico

É necessária uma manutenção regular e actualizações de segurança recorrentes para garantir que os websites funcionam de forma óptima e estão protegidos contra potenciais ameaças à segurança. Deve procurar assistência profissional se não tiver o nível necessário de competências técnicas. O apoio técnico inclui uma vasta gama de tarefas relacionadas com o sítio Web que devem ser concluídas atempadamente para que o seu sítio de comércio electrónico esteja operacional 24 horas por dia, 7 dias por semana e pronto a aceitar encomendas e pagamentos sem interrupções.

Estas tarefas incluem cópias de segurança de dados, instalações ou actualizações de software e reparações normais de hardware. A insatisfação do cliente reduz imediatamente as taxas de conversão actuais no funil de vendas em ocasiões como épocas de vendas muito publicitadas, quando os volumes de encomendas podem aumentar drasticamente ou quando ocorrem problemas imprevistos!

Existem vários modelos disponíveis que oferecem contratos de suporte técnico numa base única ou recorrente, dependendo do preço que é combinado com níveis específicos de complexidade e ofertas de serviços solicitados fornecidos por vários fornecedores que reivindicam diferentes níveis de competência e experiência. Verifique a política definitiva de serviço ao cliente da empresa antes de tomar qualquer decisão final sobre a contratação de pessoal ou de entidades de apoio técnico. Deve ser facilmente acessível sempre que necessário através de uma variedade de recursos e produzir resultados que satisfaçam as suas expectativas.

 

17. Preço de site em WordPress vs WooCommerce

Já experimentou a energia do seu website WordPress. Estará preparado para embarcar numa viagem, para além dos limites do comum? O WooCommerce é como uma brisa que desliza através das velas da sua embarcação, guiando-o para um reino de realização e crescimento!

Uma Transformação Completa:
O WooCommerce distingue-se do WordPress ao transformar o seu site numa plataforma de vendas online funcional. Enquanto o WordPress serve de base, para a sua presença, o WooCommerce dá um passo em frente, permitindo-lhe criar e supervisionar uma loja online que está equipada para atender a clientes em todo o mundo.

Diferenciação nas Funcionalidades:
O WordPress actua como uma tela a ser transformada, enquanto o WooCommerce serve como um conjunto completo de ferramentas e matizes que dão vida ao seu conceito de loja online. Oferecendo funções como a gestão do inventário, o cálculo dos custos de envio, a garantia de pagamentos e a personalização de produtos, o WooCommerce eleva as capacidades dos seus sítios Web, para além da criação de conteúdos.

Por Que Varia o Preço?
O preço de site é variável e distinto entre um site WordPress e do seu complemento WooCommerce porque têm níveis de funcionalidades diferentes para oferecer. O WordPress serve de base para a criação de sítios Web, ao passo que o WooCommerce introduz complexidade e funcionalidades que exigem recursos adicionais para a construção, manutenção e assistência. Saia um pouco mais neste nosso artigo sobre quanto custa uma loja online em Portugal.

Investimento no Sucesso Futuro:
Quando escolhe o WooCommerce, não está apenas a investir dinheiro num sistema de comércio eletrónico. Está a investir no sucesso a longo prazo do seu negócio. As despesas adicionais associadas ao WooCommerce não cobrem as funcionalidades, mas também significam a oportunidade de expansão e o aumento dos lucros que advêm de uma loja online forte.

Porquê ficar pelo habitual quando tem a oportunidade de alcançar a grandeza, com o WooCommerce? Diga adeus aos constrangimentos. Inicie um caminho, rumo ao crescimento e ao triunfo, aproveitando a dupla WordPress e WooCommerce! Se está a pensar avançar com um WooCommerce, poderá achar útil saber onde encontrar bons parceiros especializados em desenvolvimento blockchains, para que possam aumentar a sua produtividade e assim ajudá-lo a gerir as suas transacções de uma forma mais eficaz, aqui neste link: https://www.designrush.com/agency/blockchain-development-companies

 

 

RESUMO: Quanto Custa um site profissional?

Responder à pergunta quanto custa um site profissional é sempre algo complexo, particularmente se não existir uma quantificação dos requisitos desejados a incluir. Porém, arrisco a fazer uma média, ou seja, o custo de um website aceitável pode variar entre 600€ a 5.000€ euros, dependendo da qualidade desejada, a plataforma escolhida, implementação das necessidades e objetivos do cliente, entre outros tantos factores falados acima.

Investir num website profissional que custe menos de 600€ será bastante arriscado e redutor na finalidade. Abdicar de qualidade é comprometer a sua imagem. Será apenas mais um website comum, sem visitas e sem retorno do investimento. Tenha em conta de que um website é o seu principal cartão de visitas e a primeira impressão que que irão ter sobre o seu negócio. Será a sua principal fonte de entrada de novas oportunidades para fechar novos negócios.

Pronto para iniciar o seu novo projeto?

Temos uma proposta para lhe fazer

Scroll to Top